Total de visualizações de página

terça-feira, 17 de setembro de 2013

[Investimentos pessoais]Aporte 09/2013


-neste mês eu limpei minha carteira dos investimentos especulativos (vendi CARD3, CSNA3, OGXP3), devido principalmente ao preço de entrada da CSNA3 obtive ganho satisfatório - 14% do dinheiro investido nas 3 - considero capital para especular entre 0.5 a 1% do meu total investido em ações (ainda estou pensando se aumento um pouco meu colchão de segurança ou se compro mais ações que sigam mais meu modo habitual de investimento).

- com o dinheiro do salário eu comprei BBAS3, CCRO3,CMIG3 (todas já fazem parte de minha carteira de ações e tenho bastante segurança nestas aquisições), com o Ibovespa tendo aumentado nos últimos dias as compras com ótimos preços ficam dependendo de uma análise mais criteriosa (estou considerando investir em AMBV3 e GRND3 nos próximos aportes)-tenho mais segurança nos investimentos em períodos de queda ou quando índice anda de lado.

- apesar da alta concentração da carteira em 2 setores(financeiro e commodities); a considero numa conformação que me mantem bastante seguro para o longo prazo (tanto dividendos quanto crescimento).

- considerando a carteira (sem aportes do mês) comparado ao mês(postagem) anterior, obtive aumento de 6,2% (44,1k)- os dividendos eu não conto na rentabilidade (somo eles ao aporte mensal proveniente do meu salário).



Minha carteira:



BBAS3 9577
BBDC3 2248
ITUB3 880
ITSA4 4824
CIEL3 480
VALE3 4434
VALE5 200
PETR4 3983
CMIG3 262
GETI3 2000
ETER3 4600
CCRO3 400
CRUZ3 300


Aportes do mês (incluindo reinvestimento de dividendos):


200 BBAS3
300 CMIG3
300 CCRO3


total R$ 15.900,00


Vendas do mês


100 CARD3
500 CSNA3
300 OGXP3



total de investimentos:R$ 770.800,00



Para atingir a independência financeira eu calculo ser necessário pelo menos  R$ 3 milhões em investimentos.

Porcentual atingido para IF (baseado na ideia do Bons Dividendos) :25,7%
Investimentos/salário liquido :48,17
Investimentos/gastos mensais :257







OBS : o blog tem como principal função servir como plataforma para aprendizado , discussão financeira e lembrete de minhas aplicações pessoais, não possuo formação tampouco autorização junto a CVM para indicar investimentos, portanto não indico seguir compra/venda de ativos discutidos neste espaço - indico métodos de estudo e aumento de conhecimento aberto para que todos possam tomar suas decisões de modo mais embasado e consciente.Não possuo nenhuma ligação empregatícia com empresas ou pessoas citadas nas discussões e também não tenho ganhos com os mesmos através de propaganda.






13 comentários:

  1. Você consegue ficar 21 anos sem trabalhar, se considerar só o valor investido e sem contar com futuros dividendos.... você acha mesmo que precisa de 3 milhões??? Vc tá de sacanagem né.... =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. - olá Forreta, a conta "mágica" dos 3 milhões é de uma estimativa minha que ativos financeiros (ações principalmente) renderiam líquido aquilo que ganho mensalmente (ou seja eu estaria "me comprando" com este valor acumulado).No momento eu sou solteiro e gasto pouco mas pretendo me casar daqui a alguns anos (já deixei claro para namorada que irá demorar um pouco)- o que elevaria meus gastos mensais.

      Excluir
  2. Boris, boa noite. Antes de mais nada meus parabéns pela evolução patrimonial muito boa. E ótimas escolhas de empresas! Identifiquei-me contigo : acho também que a IF seria atingida com 3M investidos, valor esse que em um mau investimento de RF geraria pelo menos 15.000, compatível com seu salário líquido atual e com um bom padrão de vida, sem luxos. Vou passar a acompanhá-lo, mais uma vez meus parabéns. Ass.: Sheldon.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. - olá Sheldon, obrigado pela visita.Como já citei acima os 3 milhões seriam o necessário para render aquilo que ganho mensalmente (ações principalmente, pois na renda fixa a inflação corrói o rendimento e torna muito mais difícil atingir a independência financeira), atualmente meus rendimentos já cobririam os gastos mensais fixos - o que torna minha posição a longo prazo muito menos vulnerável a possíveis problemas.No fim considero meus investimentos como um escudo para me proteger de intempéries (que espero nunca virem).

      Excluir
  3. Respostas
    1. - olá Sonny,obrigado pelo comentário:na verdade eu nem ligo muito para a rentabilidade mensal (estou anotando apenas para ter um controle melhor -tive vários meses de desvalorização ou rendimento abaixo do Ibovespa), o mais importante é sempre comprar o máximo de ativos top de linha nesta fase de acumulação ( e meus cálculos não são exatos pois não fico agregando o rendimento junto com os dividendos - todo mês entra um pouquinho de cada lado e também nem somei o dinheiro da venda da limpeza de ações da carteira).

      Excluir
  4. caríssimo, se não quiser fazer vamos entender, mas gostaria muito de que você nos contasse mais de sua trajetoria.

    enquanto idiotas pobretoes fudidos e sem futuro ficam se gabando e postando besteiras sem fim, pessoas como você, que reputo como vencedoras, mantem-se caladas, sem nos inspirar com seus exemplos de vida.

    conte-nos mais (preferencialmente em forma de postagem) sobre sua história financeira, pois amealhar um patrimônio que aos olhos de muitos é inviável, máxime por estar tão cercano do sonhado milhão.

    saudações humílimas,
    victor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. - olá Victor.Minha trajetória financeira é relacionada com meu próprio desenvolvimento como pessoa:nasci e cresci numa cidade pequena e decadente (mas já morei em capital e cidades grandes), comecei a trabalhar desde que era moleque (13 anos)com meu pai (me ensinou muita coisa da vida e a valorizar o esforço), estudei muito, soube aproveitar as chances que meus pais me deram e consegui entrar num curso top em faculdade pública (entre as 5 melhores do país), fiz pós graduação (nunca fui o mais destacado da turma porém sempre estudei para ficar acima da média).Como trabalhei desde cedo sabia do valor e poder do dinheiro, portanto nunca fiquei esbanjando e tinha sempre alguma economia para tempos de incerteza; quando comecei a tocar minha vida sozinho (após formado) tinha 2 empregos (1 principal e outro bico)sempre fui pão duro e vivia com o dinheiro do bico (guardava a maioria do principal e ajudava meu irmão que estava estudando - sobrava na época uns 2k/mês), aprendi a investir sozinho em ações lendo revistas, depois procurei na internet sobre assunto e fui parar no site da Bovespa (comprei minhas primeiras ações ha cerca 7-8 anos) e fazia as contas de P/L por exemplo na mão mesmo, somente 1 vez vendi ações sem ser programado (fiquei doente).

      - o que mais prezo é minha família (pai, mãe e irmãos) - tio, primos e congeneres são parentes (apenas tolero sua presença pois quando minha família passou por apertos alguns anos atrás todos viraram as costas).

      - tudo o que conquistei foi por ter aproveitado as chances que minha família me deu (nunca herdei nada, mas fui sustentado na época da faculdade) e pelo meu esforço (já tomei muita porrada da vida), deste modo tenho profundo desprezo pelos bundões que ficam reclamando de sua existência miserável, esperando que as coisas caiam do céu.

      abraços.Boris

      Excluir
    2. Muito bom Boris.

      Saber que voce está trabalhando e juntando é muito inspirador. tambem sempre fui pão duro (gosto de coisas boas, mas prefiro passar sem do que ficar em dividas, embora tenha fugido de meus principios por diversas vezes).

      tambem não herdo nada e tenho que correr atras dos meus objetivos.

      muito bem... vendo seu patrimonio atual, posso sonhar em estar em tal patamar em semelhante periodo...

      obrigado por compartilhar sua vida e sim, daqui por diante esta geraçao leite com pera é o inferno na terra, o verdadeiro apocalipse zumbi.

      abraço!

      victor

      Excluir
  5. Pela seleção das ações de sua carteira vejo que não está para aventura, são empresas sólidas e lucrativas.
    Parabéns pela carteira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. - olá Aroldo, dinheiro não aguenta desaforo -sempre tento escolher ações visando longo prazo e alguns raros trades.

      Excluir
  6. Sua historia é parecida com a minha em alguns pontos, porem acho que sou um pouco mais novo.
    Você serve de inspiração, adimiro sua luta e que continue assim
    Gostaria de pedir se não for incomodo alguns posts extras iguais aos que você postava no começo do blog, pois as vezes coisas que você pensa, gosta ou compartilhe ajudam as pessoas , inclusive a mim. (gostei até do samurai X pois tbm sou fa haha) abraço, continue assim, sucesso

    ResponderExcluir
  7. - olá M, obrigado pela opinião.Apesar de já ter conseguido acumular uma quantia razoável de capital eu ainda estou aprendendo sobre investimentos (visto o fato que sempre tento complicar o menos possível na minha estratégia), não sou tão velho assim (tenho entre 30-39 anos de idade) e quanto aos posts de discussão assim que eu tiver algo interessante eu publico.

    ResponderExcluir